Article

O olhar de Deus – Qui. 30/05

Domestic-violence-007

“Ele merece morrer”
“Você não vale nada”
“Eu não te perdoo”

Quantas vezes você já ouviu ou disse algo semelhante a isso?

Em nosso próprio julgamento, somos levados a crer que somos os senhores da razão e a partir daí tachamos a todos ao nosso redor como sendo “isso” ou “aquilo”. Olhamos sob o nosso ponto de vista e julgamos conforme a nossa percepção.

Nossa visão como humanos é tão falha e limitada que caso tivéssemos poder de decisão sobre outras vidas ou até mesmo sobre o mundo, o caos e a autodestruição se tornaria o futuro certo para o nosso planeta. Em decisões e arrependimentos o mundo teria vivido e morrido inúmeras vezes. Veja, se mesmo tendo poder de escolha apenas sobre sí a humanidade colhe consequências drásticas, imaginem se pudéssemos interferir diretamente em outras vidas.

jesushealing-blind-man

Como disse em comentário anterior: “Ainda bem que Deus é Deus e não julga como homem”.

Eu não saberia descrever os olhos de Deus, mas a lição desta quinta nos faz perceber o que é refletido neles: Nós.

O seu olhar é dirigido a cada um de nós o tempo inteiro. Não há como fugir, nem mesmo se esconder. Imagino que para alguns é desconfortável imaginar que Deus nos olha o tempo inteiro, ou mesmo pensar que Deus possui olhos de um carrasco que está sempre pronto a nos punir. Mas tal qual um pai que cuida e zela por seus pequeninos filhos, Deus está a cuidar, zelar e olhar por nós.

Jesus_amparo

Eu não sei se os olhos de Deus são castanhos, negros, azuis, verdes ou de uma cor indescritível, mas eu sei que eles refletem o amor que transborda em seu intimo por nós. Amor tão grande que excede os nossos limites de entendimento, as nossas falhas, a nossa teimosia e pecar.

Quando necessário esse amor corrige, porque deseja ardentemente que sejamos melhores do que somos e que trilhemos o caminho correto, mas é também um amor que cuida, zela, protege, alcança e se faz presente em todo e qualquer lugar que precisemos, não importa quão longe tenhamos ido. Seu olhar de amor nos alcança.

Carla Pereira

Share

Nenhum comentário ainda.

Faça seu comentário