Archive | novembro, 2013
Article

O dia da Expiação: Com entendê-lo? – Sáb. 30/11

A lição desta semana, é (ao menos para mim) uma das mais difíceis que já estudei. O assunto, demanda um preparo especial e muita oração para ser compreendido, não é de forma alguma de simples entendimento.

389499_259493207437462_1202228

Mas toda honra e glória seja dada a Deus através de Seu filho Jesus, por ter deixado a nós uma ferramenta que nos possibilita entender não apenas este mas todo e qualquer assunto relacionado a Sua pessoa, sendo esta ferramente de fácil acesso, bastando nossa vontade de utilizá-la para que toda e qualquer dúvida seja perfeitamente sanada.

Falo da Bíblia e de nossa necessidade de estudá-la. Se você não identifica esta necessidade em seu coração, saiba que ainda sim você a tem. Ler a palavra de Deus, guardá-la em sua mente e coração e sobretudo compreendê-la da forma adequada é a chave que nos levará a um exercício perfeito de adoração aquele que nos criou, amou e por este amor, mandou seu filho morrer por nós.

A lição da escola sabatina nos serve como apoio sem dúvida, inclusive a desta semana que organiza uma tabela de estudo que é vital para entender a mensagem do capitulo 8 de Daniel e seus correlatos, de forma que ao fim deste estudo o tema “Expiação” estará claro em sua mente, mas a leitura diária da Bíblia deve ser uma regra em nossa vida, não apenas algo episódico, pois como um efeito cascata, uma verdade revelada abre a porta para outra verdade e assim por diante, nos franqueando um conhecimento que tanto é histórico e mesmo cultural, como sobretudo espiritual.

É vontade de Deus que estudemos sua palavra com real sede de entendê-la. Precisamos vê-la como um cantil de água no deserto e perceber que suas histórias são mais que um simples encadeamento lógico de acontecimentos e sim provas e mais provas de que a fé em Deus é vital para nossa vida. Nossas respostas, acredite, estão todas lá. Todas as que precisamos.

Não vejo outra forma de começar a falar do lição desta semana se não for dizendo que apenas o estudo em classe, no Sábado, com nossos queridos irmãos, não será o suficiente para absorvermos todas as maravilhosas verdades, exortações e conselhos contidos no tema desta semana. É um estudo que demanda a reserva de um tempo substancial de nossa vida durante esta semana para a meditação, oração e aprofundamento bíblico dia a dia, mas garanto a você que assim agindo, ao chegar ao final desta semana, você será uma pessoa melhor, não apenas pelo conhecimento adquirido, mas por ter tomado contato profundo e real com verdades tão importantes em nossa vida para este tempo do fim.

CJ_003_Mãos_Eis-me-Aqui

Cristo espera que nos levantemos como arautos de Sua mensagem para os últimos dias. As palavras contidas no capitulo 8 de Daniel são de suma importância e precisam ser reveladas a um mundo que está em crise, clamando por tal revelação mesmo que ainda não tenha se dado conta disso. Temos o dever e a responsabilidade de agirmos como facilitadores para que esta mensagem seja espalhada ao maior número de pessoas possível para que enfim se cumpra a promessa da volta do Mestre o mais breve possível, ainda em nossa geração.

Deus quer levantar a você e a mim, como Atalaias do tempo do fim, pessoas que não temem a morte por amor ao Seu nome e que guardem em suas mentes e corações a mensagem que hoje está em nossas Bíblias, mas que em breve, muito breve, terá que estar gravada em nossa memória pois Bíblia não mais haverá a nossa disposição.

Meu desejo é que eu e você possamos absorver e mensagem maravilhosa sobre a Expiação e suas consequências em nossas vidas e que possamos espalhá-la a todos que se dispuserem a ouvi-la.

Boa semana a todos.

Davi Rocha

Faça seu comentário
Article

Julgando com amor – Sex. 29/11

01_Julgando

Essa semana no trabalho me peguei julgando mal uma colega, pensei: ‘como ela é egoísta, custava fazer isso para nós? Afinal, nosso trabalho é o mesmo e se ela me ajuda automaticamente se ajuda também…’ E a partir daí fiquei criando um monte de hipóteses na minha cabeça e inflamando outras colegas a respeito dela. Depois decidi verificar novamente para ter certeza se realmente ela tinha sido egoísta como havia pré julgado e “quebrei a cara”! Fiquei com vergonha e falei para minhas colegas que eu a estava julgando e que não era nada daquilo. Acabamos rindo da situação e o assunto morreu ali.

eraser and word error

Deus sabe de tudo a nosso respeito e diferente de nós Ele investiga antes de pronunciar o veredito. Quando ouvimos falar sobre julgamento a maioria de nós temos a visão de que estamos sendo vigiados, um vacilo e estamos perdidos. Para Ele o julgamento não é o tempo em que decide nos aceitar ou nos rejeitar, em vez disso, é o momento em que Ele define se O escolhemos verdadeiramente ou não, uma escolha revelada a partir das nossas ações.O juízo é parte do processo através do qual Deus lida com o pecado. Ele espera de nós verdadeiro arrependimento e obediência, e prova disso é que apaga nossos pecados e já não somos mais julgados por este ou aquele pecado confessado e arrependido. Ele literalmente apaga, esquece, deleta nossa transgressão.

03_Julgamento de Deus

Quantas vezes apontamos alguém pelo simples fato de nos acharmos melhor nisso ou aquilo que ela? Quantas vezes criamos hipóteses falsas por conta do nosso egocentrismo? Quantas vezes somos responsáveis pelo choro de alguém? Quantas vezes tiramos conclusões sem antes saber o que realmente aconteceu?

Aquele que irá nos julgar de maneira final será quem nos ama de maneira completa, Ele deu Sua vida por cada um de nós. Podemos ter imperfeições de caráter; podemos ter falhado em nossos esforços para ter uma vida correta; mas se nos arrependermos, Ele é fiel e justo em nos aceitar e perdoar!

Jacqueline Ferreira

Faça seu comentário
Article

O Justo Juiz – Qui. 28/11

ComentárioJovem01_Tapete_Criança_small

Brincar de “lutinha” era uma das brincadeiras que eu e minhas irmãs mais gostávamos! Pegávamos todos os cobertores que tínhamos em casa, colocávamos no chão para ser o nosso “tatame” e é claro, usávamos roupas bem confortáveis para que a “luta” pudesse ser boa!

O meu pai era o juiz! Então começava o “primeiro round”. Minhas irmãs mais velhas lutavam, depois eu e a minha gêmea! As vencedoras das duas primeiras lutas lutavam e por último chegava a parte que mais esperávamos: todas lutavam contra o juiz! E ele SEMPRE deixava a gente ganhar! Me lembro que nos sentíamos tão fortes que tínhamos certeza de que nada nem ninguém iria nos deter, já que conseguíamos vencer o juiz, que era o mais forte de todos os lutadores!

ComentárioJovem02_Maça_small

No jardim do Éden, Deus deu o livre-arbítrio a Adão e Eva e eles então escolheram comer do fruto do conhecimento do bem e do mal, embora Deus deixasse claro que se eles o comessem, certamente morreriam (Gênesis 2:16). Logo que cometeram o pecado, eles sentiram-se envergonhados e tentaram se esconder de Deus. Nesse momento, Cristo precisou colocar em ação o plano B.

Então houve uma grande batalha no céu. Satanás foi expulso com a terça parte dos anjos e com o passar do tempo o mundo foi indo de mau a pior. O povo de Israel recebeu instruções a respeito de como os seus pecados poderiam ser perdoados, tudo devidamente ilustrado no santuário terrestre.

ComentárioJovem03_Jesus_Pés_small

Chegou o dia da luta! Essa luta pertencia a nós, seres pecadores. Mas o pecado estava muito bem equipado e com as nossas próprias forças sem dúvidas perderíamos no primeiro round. Então o Juiz, o mais forte de todos decidiu lutar em nosso lugar e sozinho venceu a batalha. Não foi fácil, porque Ele precisou se separar do Pai e carregar TODOS os nossos pecados, lutando em nosso lugar para que a vitória fosse garantida!

Depois disso, o que temos como recompensa dessa vitória é a certeza da salvação! E essa salvação nos conduzirá às mansões celestiais onde não será mais preciso a luta diária que enfrentamos, porque o Justo Juiz estará pra sempre ao nosso lado!

Que prêmio! Que possamos estar preparados para que o juízo pré-advento que já ocorre apenas confirme a salvação que já temos em Cristo!

Para que ela seja concreta, devemos andar como Ele andou! Eu quero seguir o Seus passos! E você?

Karen Ferreira

Faça seu comentário
Article

O futuro no HOJE – Qua. 27/11

InHisHands5

Vivemos a vida pensando no que passou e no que há de vir. Num desenho de criança foi dito: “O passado é história, o futuro é mistério, o agora é uma dádiva, e por isso se chama presente.” A bíblia também fala desse momento: “Antes, exortai-vos uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama Hoje, para que nenhum de vós se endureça pelo engano do pecado; Porque nos tornamos participantes de Cristo, se retivermos firmemente o princípio da nossa confiança até ao fim.” Heb. 3:13-14. Precisamos parar de nos preocupar com o futuro: salvos ou não salvos, pois as nossas decisões são feitas no agora. Cada dia vivemos e decidimos o futuro com base nas nossas próprias decisões. Realmente, Deus está no controle, mas Ele também nos deu o livro-arbítrio para decidir qual será a consequência das nossas próprias decisões.

escolha

Muitos entregam o futuro para Deus e dizem seja o que Ele quiser. Mas Ele pede de nós que hoje tomemos a decisão qual será o caminho que vamos percorrer. “Eis que hoje eu ponho diante de vós a bênção e a maldição.” Det. 11:26. “Hoje, se ouvirdes a sua voz, Não endureçais os vossos corações.” Heb. 4:7. “[…] Hoje veio a salvação a esta casa, pois também este é filho de Abraão.” Luc. 19:9. “Em verdade te digo hoje, que estarás comigo no Paraíso.” Luc. 23:43. Hoje é o momento de decidir, de agir, de arrepender-se, de voltar, de dizer não e de apenas aceitar.

CAMINHOS

Cada dia tomamos a decisão do nosso futuro, mas “[…] o homem planeja o seu caminho, mas o Senhor lhe dirige os passos.” Pro. 16:9. O futuro está em Suas mãos, mas a direção à frente está no nosso controle. Em cada decisão, nós escolhemos se vamos caminhar pelo caminho largo ou pelo estreito. Todos os dias, acordamos dizendo se Cristo irá guiar nossos passos, ou vamos escolher obter o controle e decidir por nós mesmos. Cada dia, um novo dia para se entregar e deixar Deus guiar, mas sempre será nossa decisão de permitir ou não.

cruz_caminho_salvar

Que o futuro seja apenas um evento do porvir com base nas decisões do presente. Que não possa haver medo, pois o temor do julgamento será para aqueles que estão em falta. Mas para aqueles que estão limpos, apenas basta o lavar dos pés. Que Cristo possa ser sempre nossa fonte de decisão do HOJE e logo mais apenas receberemos a consequência das nossas próprias escolhas. Alguns exalando o cheiro para vida e outros para morte, “porque para Deus somos o bom perfume de Cristo, nos que se salvam e nos que se perdem.” 2 Cor. 2:15.

Robson Teles

Faça seu comentário
Article

Para justiça, juízo – Ter. 26/11

grupo-anonymous

Passamos recentemente por vários momentos de manifestações em nosso país. Foram várias as reivindicações, mas no geral o clamor é por justiça. Eu também já me indignei com as injustiças feitas comigo ou com amigos meus. Afinal vivemos num mundo que não tem nada de justo. Um mundo que entrou em colapso. Onde cada um só pensa em defender o seu e não está nem aí para o que outro pensa ou sente. Um mundo injusto e cruel. Mas, para tanta injustiça, justiça. E para justiça, juízo.

chains

Juízo é uma palavra que já trouxe muito pânico e temor para muitas pessoas e se for o JUÍZO FINAL nem se fala. Tem gente que até treme de ouvir falar nisso. Por muito tempo as pessoas foram aterrorizadas com o pensamento do castigo, fogo, relâmpago, um dedo enorme apontando para você. Essa imagem cruel não tem como ser associada ao Deus de amor e misericórdia que é o nosso Deus. O juízo final realmente vai acontecer, mas vai trazer justiça, vai trazer alívio, vai trazer libertação.

Deus é a verdadeira justiça. Aquela que não falha. E apesar do que muitos dizem, é aquela que também não tarda! Para nós, humanos imperfeitos, pode aparentar demora, mas virá no momento certo. “Pois Deus o Senhor é justo, e ama a justiça.” (Sl 9:16) E como Ele é também é misericórdia, tenho certeza que Ele está esperando escolher o lado certo, o lado da justiça para que em sua sentença seja proferida a palavra: inocente. Afinal, o preço da culpa já foi pago na cruz.

Jesus_Julgamento_Hora_Decisão

Agora se você clama por justiça e não tem sido nada justo, ainda há tempo. Ainda dá pra rever sua vida e entregar suas faltas e pecados na mão do Juiz Justo, “pois o Senhor ama quem pratica a justiça, e não abandonará os seus fiéis.” (Sl 37:28) Pense nisso! Decida pela justiça hoje!

Olívia David Begnália

Faça seu comentário