Article

O legado continua – Qui. 13/03

figura editada

A questão passa longe se o legado de Cristo estava baseado em conhecimento, status ou alguma técnica de evangelismo. O próprio Paulo, fariseu, instruído desde criança nas escrituras afirmou: “Pois o Reino de Deus não consiste de palavras, mas de poder.” 1 Cor. 4:20. E esse é o mesmo poder quando Cristo envia os 70 discípulos e eles retornam exultando que até os demônios os obedeciam, mas Cristo responde: “Contudo, alegrem-se, não porque os espíritos se submetem a vocês, mas porque seus nomes estão escritos nos céus. Naquela hora Jesus, exultando no Espírito Santo, disse: Eu te louvo, Pai, Senhor do céu e da terra, porque escondeste estas coisas dos sábios e cultos e as revelaste aos pequeninos. Sim, Pai, pois assim foi do teu agrado.” Luc. 10:20-21.

Peace-be-with-you

A verdadeira sabedoria não está no acúmulo de conhecimento ou até mesmo nas técnicas empregadas. “Assim diz o Senhor: Não se glorie o sábio em sua sabedoria nem o forte em sua força nem o rico em sua riqueza, mas quem se gloriar, glorie-se nisto: em compreender-me e conhecer-me, pois eu sou o Senhor.” Jer.9:23-24. “Porque a loucura de Deus é mais sábia que a sabedoria humana, e a fraqueza de Deus é mais forte que a força do homem.” 1 Cor. 1:25.

Precisamos confiar mais no poder de Deus no que em nós mesmos. “Quando vocês forem levados às sinagogas e diante dos governantes e das autoridades, não se preocupem com a forma pela qual se defenderão, ou com o que dirão, pois naquela hora o Espírito Santo lhes ensinará o que devem dizer”. Luc. 12:11-12. Assim como os discípulos, nós podemos ser agraciados com este mesmo poder. Apenas precisamos se aproximar de Cristo e deixar que o Espírito trabalhe em nós. “Mas Ele me disse: Minha graça é suficiente para você, pois o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza”. Portanto, eu me gloriarei ainda mais alegremente em minhas fraquezas, para que o poder de Cristo repouse em mim.” 2 Cor. 12:9.

2763169620_c56133e675

E para qualquer um de nós gerar um legado, apenas precisamos de uma fórmula: “Agora que já se ouviu tudo, aqui está a conclusão: Tema a Deus e guarde os seus mandamentos, pois isso é o essencial para o homem.” Ecl. 12:13. Somente com um relacionamento próximo com o mestre, os discípulos foram capazes de continuar o legado que Cristo os deixou. E cabe a cada um de nós tomar parte deste legado, fazendo que este poder, sabedoria e conhecimento que o mundo não compreende possa ser proclamado nas próximas décadas até que Cristo volte.

“O verdadeiro legado não se mede pelas medidas dos mortais, mas d’Aquele que é, em si mesmo, imortal.” 1 Tim. 1:17 e 6:16.

Robson Teles

Share

Nenhum comentário ainda.

Faça seu comentário