Archive by Author
Article

Humildade – a beleza da santidade – Dom. 15/03

11072059_1039451246069488_1963111582_n

É interessante notar que todas as pessoas, em maior ou menor grau, têm certa necessidade de serem vistas, apreciadas, notadas e admiradas. Na era virtual em que vivemos, onde cada acontecimento rapidamente transforma-se em um “post”, ainda que não pecebamos, clamamos por likes e comentários. Não, não há nada de errado em compartilhar aquilo que nos faz felizes, porém, é necessário ter cautela para não cair na armadilha da exaltação própria.

Homem+Joelhos+Cruz+Cross+Knees

Neste contexo, vale a pena refletirmos na mensagem de Provérbios 30:32, que diz que exaltação própria é insensatez pois pode levar ao orgulho, que leva o indivíduo a humilhar seu próximo e, por fim, gera intrigas e brigas. Parece forte mas analise atentamente por alguns minutos e verá que é a mais pura verdade. A exaltação própria é uma armadilha e, geralmente, quem cai nela é a própria pessoa que se exaltou e ainda pode deixar marcas nas pessoas próximas, vítimas da humilhação.

O Único que é Digno de toda honra, glória e louvor é o nosso Deus. Diante dEle, devemos nos humilhar e reconhecer nossa natureza pecaminosa e fraca e buscar dEle o perdão e a vitória sobre qualquer orgulho que possa estar dominando nosso coração. Quando decidirmos olhar para Ele e viver como Ele viveu, poderemos nos orgulhar da Cruz, como disse o apóstolo Paulo.

Jesus+humildade+Lava+pés

A humildade é um assunto que sempre aparece ao longo de toda a Bíblia e não é de se admirar que também esteja relacionada aos ensinamentos sobre sabedoria. Deus usou pessoas humildes para serem profetas, Jesus buscou humildes para O seguirem e Ele mesmo deu o maior exemplo de humildade. Sendo assim, te desafio a, durante esta semana, humilhar-se perante Deus, abrir seu coração a Ele e reconhecer suas falhas, defeitos e pontos a serem melhorados. Reconhecer nossos pontos fortes e qualidades é ótimo para a autoestima mas reconhecer nossas fraquezas e buscar ajuda é uma atitude de nobreza e, isso sim, motivo de “orgulho santo” e é aí que encontramos a beleza da santidade.

Aline Alcântara

Faça seu comentário
Article

O Grande Misterioso – Dom. 01/03

11026577_1032181756796437_1476643001_n

Nos últimos anos nosso país tem sido palco de manifestações e protestos. Entre muitas reivindicações, o povo apela por menos corrupção e mais transparência por parte dos nossos governantes, e nada mais justo, não? Qualquer que seja a esfera da sociedade, esperamos de um líder nada menos que transparência, compromisso com a verdade e cumprimento de suas promessas.

Com Deus é um pouco diferente. Existem mistérios que nunca iremos compreender nesta vida e isto O torna Único, afinal, quem, além dEle, tem a capacidade de velar de Seus filhos certos assuntos e, ainda assim, ter total confiança por parte deles? Somente um Deus verdadeiro pode nos fazer ama-Lo pelo que Ele é e faz por nós a tal ponto de aceitarmos pela fé aquilo que não podemos compreender ainda.

Father praying with daughter

A escritora Ellen White, no livro Testemunhos para a Igrja, v. 4, pág. 444 define muito bem a questão do mistério de Deus e peço licença para fazer minhas as palavras dela:

“Há profundos mistérios na Palavra de Deus, que nunca serão descobertos pela mente não auxiliada pelo Espírito de Deus. Há também mistérios insondáveis no plano da redenção, que as mentes finitas jamais podem compreender. Os jovens inexperientes devem esforçar mais a mente e exercitar melhor as habilidades para obter compreensão das questões reveladas; pois a menos que possuam mais iluminação espiritual do que agora têm, levariam a vida toda para conhecer a vontade revelada de Deus. Quando têm acariciado a luz que já receberam, e feito uso prático dela, serão capazes de dar um passo à frente. A providência de Deus é uma escola contínua que está sempre levando as pessoas a perceber as verdadeiras metas da vida. Ninguém é demasiadamente jovem ou demasiadamente velho para aprender nessa escola, ao prestar diligente atenção às lições ensinadas pelo divino Mestre. Ele é o verdadeiro Pastor e chama Suas ovelhas pelo nome. Sua voz é ouvida pelos errantes, dizendo: “Este é o caminho; anda nele”

720[1]

O conhecimento sobre Deus é tão profundo que uma vida inteira de intenso estudo não é suficiente para nós aprofundarmos completamente. Portanto, Ele nos convida a, pela fé, aceitar aquilo que não vemos e confiar que, no tempo certo, o que tiver que ser revelado, será.

Aline Alcântara

Faça seu comentário
Article

“Faça o que eu digo…” – Dom. 22/02

A baby crying it out.

Quando eu era criança, toda vez que chegava a hora de dormir, uma dúvida se instalava em minha cabecinha: porque eu tinha que ir dormir e meus pais iriam ficar acordados? Aquilo, ao meu ver, não era justo e não entrava na minha cabeça. Se era hora de dormir então deveria ser para todos, pensava eu. Meu senso de justiça me fazia acreditar que eles eram injustos por não praticarem o que ensinavam.

Existe um dito popular muito conhecido que diz “Faça o que eu digo mas não faça o que eu faço”. Essa frase indica claramente a incoerência entre o que o indivíduo sabe e proclama ser correto e aquilo que ele realmente pratica em sua vida. Na minha mente infantil, essa frase definia as atitudes dos meus pais, que exigiam de mim algo que não cumpririam. Somente anos mais tarde eu vim a entender que eles estavam corretos, era hora de dormir, sim, para mim, que era criança e que eles, por serem adultos, tinham outra rotina.

image

Esse não era o caso dos meus pais mas, atualmente, a realidade de muitas pessoas envolve ter atitudes insanas e impulsivas, não importando o que é correto,mesmo sabendo o que é correto. Qual a vantagem ou a graça de viver uma vida incoerente, sabendo qual é o caminho do bem e, ainda assim, insistindo em desviar-se dele? Provérbios 22:17 sugere que nos concentremos em buscar o que é correto e, em seguida, coloquemos em pratica aquilo que aprendemos. Deus deixou fontes inesgotáveis de conhecimento para sabermos como viver neste mundo e espera que tenhamos iniciativa para buscar este conhecimento. Após buscarmos, Ele terá o maior prazer em nós auxiliar se quisermos mudar de vida e praticar o que aprendemos, afinal, não é desejo dEle que sejamos cristãos rasos, medíocres. Ele espera que a cada dia, ao buscar conhecimento, possamos nos aprofundar na fé e no amor a Ele.

familypraying-1000x500

O resultado mais visível de uma vida conforme os ensinamentos de Cristo é o testemunho vivo e prático daquele que buscou conhecimento e decidiu adota-lo como estilo de vida. Esta semana, te faço dois convites:

1.) não despreze o conhecimento, busque-o com todas,as suas forças.
2.) compartilhe com os outros aquilo que você aprende ao buscar o verdadeiro conhecimento.

Temos uma grande responsabilidade sobre o que falamos e outra maior ainda sobre nossas atitudes. Portanto, “faça o que eu digo mas não faça o que eu faço”, definitivamente, não é um conceito válido para o verdadeiro cristão!

Aline Alcântara

Faça seu comentário
Article

Língua: instrumento de poder – Dom. 08/01

big-brother-prism

O ser humano em geral tem uma atração inexplicável pela vida dos outros. Prova disso é, por exemplo, a grande audiência dos Reality Shows, especialmente aqueles onde os participantes ficam confinados e ocorrem tramas de amizade, namoro, brigas etc. Outro exemplo pode ser visto nas redes sociais. As pessoas costumam despejar ali seus sentimentos através de postagens e, basta uma postagem mais indireta para gerar inquietação e curiosidade nas pessoas.

15559-1-pettegolezzo

É uma pena que esse interesse pelo outro geralmente tenha uma conotação negativa, levando à famosa fofoca. Má interpretação dos fatos, falta de amor, ressentimentos e curiosidade pura e simples são fatores que desencadeiam a fofoca e a fofoca, por sua vez, desencadeia confusões, brigas, julgamentos apressados, separação e mal entendidos. Nada de bom pode brotar da semente da fofoca e Provérbios nos adverte sobre isso e nos encoraja a sermos discretos, amorosos e perdoadores.

Sei que muitas vezes é quase que irresistível fazer um comentário sobre outra pessoa, especialmente se a própria pessoa está “postando” fatos e fotos. Inclusive, podemos alegar que estamos apenas comentando ou demonstrando indignação por algo que julgamos errado mas a nossa parte como cristãos é ignorar os atos alheios, não divulgar esse tipo de coisa e amar nosso próximo de forma a ajudá-lo no que for preciso.

3274003

Tive uma professora que, com muita sabedoria, sempre repetia: “Língua: instrumento de Poder”. Frase super verdadeira! Com nossas palavras temos o poder de abençoar ou amaldiçoar alguém, inclusive a nós mesmos! Portanto, vamos refletir em nossas palavras e interesses, evitar a todo custo falar dos outros e, com nossa língua, sermos instrumentos do poder do bem, do poder restaurador de Deus.

Aline Alcântara

Faça seu comentário
Article

O mundo é dos “espertos” – Dom. 01/01

confiante

Quem nunca ouviu ou disse essa frase? O mundo é mesmo dos espertos mas, que tipo de esperteza as pessoas estão buscando? Uma esperteza que compete com a verdade, sabedoria, respeito, honestidade e amor ao próximo é uma atitude bem característica deste mundo em que vivemos. Quando analisamos mais a fundo a partir dessa perspectiva, percebemos que o que o mundo considera esperteza a Bíblia classifica como insensatez.

Não é raro vermos esses “espertalhões” se gabando do que dizem e fazem; se orgulham de suas atitudes insensatas e não percebem que estão cada vez mais se afundando na ilusão de sabedoria que este mundo da. Provérbios 14 deixa isso muito claro quando mostra que as pessoas insensatas fala com orgulho, zombam da sabedoria, sao capazes de acreditar nas teorias mais absurdas que existem, sao impulsivos e oprimem os outros.

photo

Quem age dessa forma, certamente não está se preparando para uma vida eterna no céu mas para permanecer eternamente neste mundo. Entre os cristãos, infelizmente, existem os “espertos” e o caso deles é mais triste pois eles têm certeza que estão indo na direção correta, enquanto estão cada vez mais distantes de Deus e Seus propósitos. Vão à igreja mas selecionam aquilo em que preferem acreditar e só seguem o que concordam. Frequentam os cultos mas também não veem problema em frequentarem baladas, bares, festas e afins. Dizem acreditar na Palavra de Deus mas contaminam esse conhecimento com as filosofias mundanas e a Lista de contradições vai longe!

10962088_1014141565267123_748322419_n

As vezes parece que os espertos sempre se dão bem e têm sucesso. Pode ser tentador seguir por este caminho mas lembre-se que temos um céu a ganhar e um inferno a evitar. O mundo realmente é dos espertos, porém o céu é dos sábios! Eu quero o céu!

Aline Alcântara

Faça seu comentário